top of page
fundo-de-tecido-de-veludo-vermelho-escuro-closeup.jpg

alheira portuguesa

Produto típico português cheio de sabor e personalidade.

Experimente e surpreenda-se!

fundo-de-tecido-de-veludo-vermelho-escuro-closeup.jpg

dicas de preparo

tradicional

A forma mais tradicional de preparo da alheira é na frigideira. Em fogo baixo, numa frigideira antiaderente e com um fio de azeite, coloque a alheira e vá aquecendo "chapeando" ela até ficar com um aspecto de grelhada. Normalmente ela estoura, saindo parte do conteúdo da tripa. Esse é o momento de servir.

fritura por imersão **Crocante**

Com uma faca bem afiada, retire os nós das pontas juntamente com o barbante. Faça um risco com a faca em toda a extensão da alheira. Este "talho" é somente para cortar a tripa. Não recomendamos aprofundar a faca na alheira, pois isso vai abrir um ponto de entrada de óleo e um possível encharcamento na hora da fritura.

Aqueça o óleo a 180° em quantidade suficiente para cobrir a alheira. Com a ajuda de uma escumadeira, colocar o produto no óleo e, neste momento, a tripa sairá completamente como uma pururuca. Como a massa da alheira é composta por massa de pão, ela vai se autoempanar e ficar com a aparência de uma das fotos acima. Retire, corte em pedaços e sirva. Combina muito com conservas que trazem acidez como picles, cebolinha cristal, pimenta biquinho, etc.

churrasqueira

Recomendamos a utilização de grelha dupla abaulada (tipo de peixe). Com ela você poderá manusear e virar sem perfurar. Nesta forma de preparo, basta grelhar até ficar com um aspecto bonito. A consistência do seu interior fica similar à de um patê.   

bottom of page